CONTADOR DE VISITAS




Google+ Followers

Seguidores

Poema ao acaso

Poema ao acaso

sexta-feira, 26 de junho de 2009

EU SEI*





Todo poeta tem quem o inspire...



Toda poetisa tem o seu anjo...



Onde ambos escrevem versos...



Como quem respira tudo que sente...






E aqui vou dedilhando cada palavra...



Pensando em você que me Lê agora...



Estes versos são sentimentos...



Do quanto você é admirado...






E ao meu anjo amado...



Por mim tão desejado...



Vou me insinuando...



Em versos não mais desesperados...






E assim minha poesia...



Segue por vezes sem maestria...



Com todas as reticências...



Deste coração apaixonado...






Como num bailar encantador...



O anjo azul é meu paraíso...



Segredo de toda minha emoção...




(*_*) (*_*)



(*_*)

Nenhum comentário:

Postar um comentário