CONTADOR DE VISITAS




Google+ Followers

Seguidores

Poema ao acaso

Poema ao acaso

quarta-feira, 24 de junho de 2009

À flor da pele


À flor da pele

Fogo na pele,
Pele em flor!
Flor que fere,
Fogo de amor!
Flor da pele,
Pele em cor.
É pleno ardor!
Pele a pele
Flor impele
Dor de amor.
Dor que fere
A flor do amor!
Pele pede,
Aflora em flor.
Mela a pele,
Doce amor!
À flor da pele,
Trêmulo fervor!
À flor da pele,
Atração em furor!
Paixão elevada,
Rasgada em ardor!
Pele indomada,
Fervente de amor!
Antônia Veras

Nenhum comentário:

Postar um comentário