CONTADOR DE VISITAS




Google+ Followers

Seguidores

sexta-feira, 26 de junho de 2009

FRUTO DA MINHA PAIXÃO.


Quando por mim passas,
O que vejo abala minha estrutura.
Já fiz reza, fiz promessas.
Porque a ti eu quero criatura!

Acredito que saibas o quanto,
O quanto és importante para mim,
Sentir-se rejeitado é deveras ruim.
Renegar-me causar-me-á doloroso pranto,

Não posso impor-te minha presença,
Nem posso censurar-te por não me amares,
Não posso e nem devo sofrer com a indiferença
Que vejo no teu rosto e nos teus olhares.

Que distante estais dos meus braços,
O que torna impossível a minha realização.
Longe estão as estrelas no espaço,
E longe está o fruto da minha paixão.

Tenho de me contentar em ver-te passar
Tumultuando minhas intensas emoções.
Negando-me tudo, até um simples olhar,
O que ganha estraçalhando corações?

Sei que amor não pode se impor,
O amor é uma conquista.
Não é como chegar e pegar a flor,
Mas em relação a ti, sou masoquista!

Nenhum comentário:

Postar um comentário