CONTADOR DE VISITAS




Google+ Followers

Seguidores

sexta-feira, 26 de junho de 2009

LIBERDADE !




Liberdade ! Ó Liberdade !
És a paz da alma, és o pão da vida.
És do livre a realidade,
Maldito seja, quem torna a liberdade perdida !

Liberdade de dizer o que pensa.
Liberdade de ir e vir quando quiser.
Perde a liberdade aquele que sofre sentença,
Mais bendito será quem liberdade tiver

Liberdade ! Ó Liberdade !
És do escravo o grande sonho,
Tu representas a igualdade e fraternidade,
Sem ti, tudo será tenebroso e tristonho

Todo ser vivo merece ser liberto,
Ninguém nasceu para ter Senhor.
A liberdade é um céu aberto,
Onde livre voa o Condor

Àquele que vai livre a caminhar,
Não importa qual rumo tomou.
Ele vai feliz pela vida a cantar,
O canto da liberdade que ele conquistou

Ó liberdade clamo pela alma cativa,
Que nos vícios do mundo se escravizou,
O amor é da liberdade a chama viva,
Herança deixada de quem por ela lutou !


Vai livre o pássaro a voar, o cavalo

Nenhum comentário:

Postar um comentário